Painel de segurança da NASA alerta riscos reais ao programa Artemis

Foi alertado por um comitê de segurança da NASA que o esforço para o retorno humano à Lua até 2024, atrelado ao financiamento incerto, poderia comprometer o cronograma do programa Artemis.

Em uma reunião do Painel Consultivo de Segurança Aeroespacial (ASAP) no dia 1º de outubro, foi levantado que riscos físicos reais poderiam surgir à medida que a NASA avança com o programa Artemis sem certeza sobre o financiamento que estará disponível para ele.

A preocupação constante com os desafios orçamentários para o programa vem aumentando as pressões para realizar compromissos de engenharia com a intenção de cumprir o cronograma.

O financiamento incerto pode afetar o programa do Sistema de Aterrissagem Humana da NASA, colocando em risco o retorno humano à Lua em 2024.
Crédito: NASA

Controvérsias em relação à NASA e o Programa Artemis

A reunião ASAP ocorreu no primeiro dia do ano fiscal de 2021. O presidente Donald Trump assinou uma resolução contínua pouco depois da meia-noite, mantendo o financiamento do governo federal nos níveis do ano fiscal de 2020 até 11 de dezembro. Em audiência no dia 30 de setembro, o senador Roger Wicker, Presidente do Comitê de Comércio do Senado, discutiu que embora esta não fosse a solução ideal poderia ser relativamente breve.

A NASA recebeu elogios por incorporar as lições aprendidas com a investigação do voo de teste do Boeing CST-100 Starliner. No entanto, o painel criticou a por não ter uma capacidade de teste totalmente integrada para SLS / Orion.

Embora a NASA tenha enfatizado a responsabilidade em seu programa geral de testes, o comitê sentiu que isso não era suficiente. Patricia Sanders, presidente do painel, observou que a recente reorganização da Diretoria de Exploração Humana e Missão de Operações da NASA criou um escritório para integração e engenharia de sistemas. Contudo, este até o momento se mantém focado no estudo de arquiteturas gerais de missões de exploração.

  • Post last modified:02/10/2020
  • Reading time:2 min(s) read