SpaceX aguarda melhores condições para lançamento de foguete

Os próximos 60 satélites para a rede de Internet de banda larga Starlink da SpaceX serão lançados apenas diante de condições climáticas e marítimas adequadas. Após correntes demasiadamente fortes, a missão de lançamento do foguete teve que ser reprogramada.

Ainda havia expectativa de prosseguir com a missão na tarde de sexta-feira, 18. Mas, anunciaram na noite de quinta-feira que não faria uma contagem regressiva na sexta-feira. Portanto, é possível que sejam necessários alguns dias para que as condições melhorem o suficiente para o lançamento de um foguete Falcon 9. O foguete partirá da plataforma 39A no Kennedy Space Center na Flórida.

O drone da SpaceX foi enviado para um ponto de 630 quilômetros a nordeste do Cabo Canaveral. Isso, para o pouso do impulsionador de primeiro estágio do Falcon 9. O foguete foi projetado para ser recuperado e reutilizado, o que é crucial para o modelo de orçamento de custos de lançamento da SpaceX.

Impulsionador Falcon 9 retornando em Cabo Canaveral em um drone SpaceX.
Crédito: Stephen Clark / Spaceflight Now

Planejamentos futuros para lançamento de foguete e eventos climáticos

Vários sistemas climáticos tropicais estão se movendo através do Atlântico. O que inclui o furacão Teddy no Oceano Atlântico central e os remanescentes do furacão Sally na costa leste dos Estados Unidos.

Ambas as naves de drones da SpaceX têm aproximadamente o tamanho de um campo de futebol. Estas, são projetadas para manter a posição enquanto o primeiro estágio do Falcon 9 desce para um toque preciso. Tudo com uma série de manobras de frenagem usando o impulso do foguete.

A SpaceX lançou 16 voos do Falcon 9 até agora, neste ano. A empresa está a caminho de lançar mais missões em 2020 do que em qualquer ano anterior. O recorde da empresa para lançamentos em um único ano é de 21 missões, que a SpaceX alcançou em 2018. A SpaceX planeja lançar pelo menos mais dois novos boosters Falcon 9 nos próximos meses. Além disso, uma cápsula do Crew Dragon com quatro astronautas em 23 de outubro.

Portanto, entre as missões para clientes externos, a empresa continuará lançando grupos de satélites Starlink em voos a cada poucas semanas. A SpaceX lançou mais de 700 satélites Starlink até o momento. Contudo, planeja ainda implantar 1.440 espaçonaves para completar a primeira geração da rede Starlink. O Objetivo é fornecer serviço de Internet para a maioria das regiões populosas do mundo.

  • Post last modified:18/09/2020
  • Reading time:3 min(s) read